Seja independente!

Publicado em 24 de outubro de 2018.

 

Não é novidade para os leitores do DINHEIRO NOVO a importância de enxergar a bolsa de valores como uma ferramenta que viabiliza ficar sócio de grandes empresas. Na nossa opinião, as ações devem estar presentes na carteira de investimentos da maior parte dos brasileiros. Mesmo os conservadores deveriam reservar uma pequena parte do seu patrimônio para esse fim.

 

O primeiro passo para isso é ter a conta em uma corretora, seja ela do próprio banco, ou uma independente. A vantagem das corretoras independentes é que, além de terem custos mais baixos de operação (corretagem) e manutenção (custódia), elas disponibilizam produtos de diversas instituições, tanto em fundos quanto em renda fixa. Isso permite que você centralize seus investimentos em um local só.

 

A abertura da conta em uma corretora independente é bem simples. São exigidos alguns documentos básicos, tudo feito de forma online. Por isso, se você ainda não tem, sugerimos que pesquise os produtos disponíveis, e os custos associados para o investimento que você quiser fazer. Se for tudo muito novo pra você, mas houver o interesse de experimentar, comece com pouco. Permita-se errar, afinal, essa é a melhor forma de aprender.

 

Conte conosco se precisar de algum auxílio para abrir a conta ou listar os critérios a serem levados em conta.

 

Sucesso a todos!

 
Gostou deste post? Então mande um e-mail para nós! Convide seus amigos para assinar gratuitamente nosso newsletter!

 

Abraços

 
Equipe DINHEIRO NOVO

 

#DinheiroNovo

#EconomicaInteligente

#Empreendedorismo

#EstratégiadeInvestimento