Categorias, Contextos ou Contas?

Publicado em 27 de setembro de 2018.

Olá!

 

Hoje é quinta e vamos falar de ECONOMIA INTELIGENTE!

 

Qual a melhor maneira de se organizar os gastos?

 

Antes disso, você já está habituado a salvar as informações sobre seus gastos? Se ainda não, recomendamos fortemente que comece já, pois só se mede aquilo que se controla!

 

Bom, se já é habituado a salvar os gastos em planilhas, papel, notinhas, etc, você já deve ter se perguntado: como melhor classificar tudo isso??

 

Claro que a resposta mais adequada é: DEPENDE.

 

Depende do tempo que você tem para construir seu banco de dados, do tempo para analisar e, ESPECIALMENTE, qual seria a maneira que você mais se familiarizaria a analisar evoluções temporais. Lembra da pizza de gastos? Então... Como definir as fatias de modo que a análise de suas variações seja passível de atuação, quando houver excessos de gastos?

 

Isso você pode fazer por:

CATEGORIA - se a linha de gastos se refere a alimentação, saúde, lazer;

CONTEXTO - se está relacionado ao local ou ambiente, como por exemplo, trabalho, habitação;

CONTA - se o gasto é do cartão de crédito, dinheiro, banco XPTO, etc.

Pense... Pense no que faz mais sentido de se controlar! Certamente você verá que a divisão não é tão clara... Para alguns gastos é melhor por categorias e para outros por contexto ou contas.

Mantenha isso em mente! Extrapolaremos o assunto nos próximos posts de ECONOMIA INTELIGENTE!

 

Gostou do nosso conteúdo? Ficou com alguma dúvida? Entre em contato por e-mail que teremos o maior prazer em respondê-lo.

 

Abraços

 
Equipe DINHEIRO NOVO

 

#DinheiroNovo

#EconomicaInteligente

#Empreendedorismo

#EstratégiadeInvestimento